Obter uma chave para o Google Places API for Work

Para clientes com uma licença anterior do Google Maps APIs for Work ou do Google Maps API for Business, a Google Places API é adquirida como parte do Google Places API for Work. Esta seção da documentação descreve a configuração dessa API.

Esta página é destinada apenas a clientes que têm uma licença antiga do Maps APIs for Work ou do Maps API for Business. Esta página não se aplica a clientes com o novo Google Maps APIs Premium Plan, disponibilizado em janeiro de 2016.

O Google Places API for Work usa uma chave de API para identificar seu aplicativo. Uma chave de API não é igual ao ID de cliente usado com os serviços Web da Google Maps JavaScript API ou de outro Google Maps APIs for Work.

Incluir uma chave na solicitação permite monitorar o uso de API do aplicativo no Google API Console, aplicar limites de cota por chave em vez de por endereço IP e garante que o Google possa entrar em contato com você para falar sobre o aplicativo, se necessário. Para saber mais, acesse a Ajuda do Google API Console.

Obter uma chave de API

Para começar a usar o Google Places API for Work, clique no botão abaixo para seguir para o Google API Console, acessar um guia do processo e ativar o Google Places API Web Service automaticamente. Importante: no menu suspenso Project, selecione o projeto criado quando você comprou o Google Places API for Work*.

Obter uma chave

Você também pode fazer o seguinte para obter uma chave de API do Google Places API for Work:

  1. Acesse Google API Console.
  2. Selecione o projeto que foi criado quando você se inscreveu.
    O nome do projeto é iniciado por Google Maps APIs for Business or Google Maps for Work or Google Maps.
  3. Clique em Continue para ativar a API.
  4. Na página Credentials, obtenha uma chave de API (e defina as restrições dela).
    Observação: Se você já tem uma chave de API irrestrita ou uma com restrições a servidor, use-a.
  5. Para evitar roubo de cota, proteja a chave de API aplicando estas práticas recomendadas.

Você também pode procurar uma chave que já existe no Google API Console.

Para saber mais sobre como usar o Google API Console, consulte a Ajuda do API Console.

Usar a chave

A chave deve ser passada com cada solicitação como o valor de um parâmetro key.

https://maps.googleapis.com/maps/api/place/nearbysearch/json
  ?location=-33.8670522,151.1957362
  &radius=500
  &types=food
  &name=harbour
  &key=YOUR_API_KEY

Solicitações feitas sem uma chave falharão.

Limitar endereços IP

Para impedir que outros aplicativos usem sua chave e consumam sua cota, você pode limitar os endereços IP que usam sua chave de API para enviar solicitações:

  1. Acesse Google API Console.
  2. Selecione o projeto que foi criado quando você se inscreveu.
  3. Na lista de chaves de API, selecione a chave que você está usando.
  4. Na seção Restrictions, selecione IP addresses (web servers, cron jobs, etc.).
  5. Em Accept requests from these server IP addresses, insira os endereços IP que podem usar a sua chave, um por linha. Você também pode inserir uma sub-rede usando notação CIDR (por exemplo, 192.168.0.0/22).