Acompanhamento de e-mails – Protocolo de avaliação

Este documento descreve como avaliar as interações de usuários com e-mail por meio do Protocolo de avaliação.

Visão geral

O e-mail permite que você mantenha um relacionamento com seus clientes além do aplicativo e do site. Este guia apresentará alguns conceitos básicos do Protocolo de avaliação, já que ele se aplica aos e-mails. Em seguida, abordará o acompanhamento da abertura de e-mails e dos cliques nos links contidos neles.

Protocolo de avaliação para e-mails

Todos os hits do Protocolo de avaliação exigem certos campos. Este documento examinará como escolherá esses e alguns campos recomendados.

Será necessário inserir uma tag de imagem dentro do e-mail. Recomendamos que você coloque a imagem na parte inferior do e-mail. Assim, ela não atrasará o carregamento do conteúdo principal.

<img src="https://www.google-analytics.com/collect?v=1&..."/>

ID de acompanhamento (&tid)

Use o mesmo ID de acompanhamento do seu site. Dessa forma, os Client-IDs e User IDs funcionarão em vários tipos de dispositivos e mídia.

Client-ID (&cid)

O Client-ID deve ser um número inteiro aleatório de 64 bits. Historicamente, o Google Analytics separou o Client-ID em duas partes de base 10 de 32 bits e não assinadas: 123456789.123456789. O Protocolo de avaliação é compatível com UUIDs maiores, incluindo caracteres alfanuméricos.

User ID (&uid)

Se você utiliza User ID para avaliar usuários em vários dispositivos, poderá usá-lo para e-mails e Client-ID.

Eventos

As aberturas de e-mails devem ser acompanhadas como eventos. Use uma categoria (&ec) de email e uma ação (&ea) de open.

t=event&ec=email&ea=open

Os eventos podem ser informados de forma única. Isso é importante para a abertura de e-mails, já que é possível abrir um e-mail várias vezes.

Caminho do documento

Todos os eventos podem ter um caminho do documento (&dp) ou local do documento (&dl). Use o caminho do documento, porque os e-mails não estão em conformidade com os URLs padrão. Ele precisa começar com uma barra (/) e ser exclusivo por e-mail.

Título do documento

O título do documento (&dt) deve ser a linha de assunto do e-mail.

Campos de informações do sistema

Se os campos de informações do sistema forem conhecidos (como idioma), adicione-os ao hit.

Campos da campanha

Sem campos da campanha, a abertura do e-mail será acompanhada como (direta) ou a última campanha. Dependendo do e-mail, esse pode ser o comportamento pretendido. Caso contrário, defina os parâmetros da campanha conforme listados nas origens de tráfego.

As campanhas exigem um campo de nome (&cn) ou id (&ci). Use email como mídia (&cm).

Acompanhar cliques em links

O e-mail deve conter links de direcionamento para seu site ou aplicativo. Recomendamos que você insira tags nos links com parâmetros da campanha. Use o criador de URLs para criar links.

Referenciadores nos e-mails

Alguns clientes de e-mail utilizam redirecionadores de links que mascaram a origem do e-mail. Além disso, o referenciador parece ser do provedor de e-mail e não o e-mail. Por esses motivos, eles não são confiáveis para acompanhamento.

Proxy de imagem do Gmail

Como o serviço de proxy de imagem do Gmail não encaminha os cookies dos usuários, não é possível usar o Protocolo de avaliação para acompanhar usuários do Gmail. O serviço em questão evita isso, fazendo com que as solicitações do Protocolo de avaliação passem por um servidor intermediário.