Perguntas frequentes sobre a migração no Google Cloud Support Portal

Observação: o Plano Premium da Plataforma Google Maps não está mais disponível para inscrições ou novos clientes.

O Google Cloud Support Portal será migrado para o Console do Google Cloud, centralizando todas as tarefas e oferecendo uma experiência unificada e otimizada.

Em fevereiro de 2021, o gerenciamento de IDs do cliente do Google Maps foi migrado para o Console do Cloud. Você pode realizar as tarefas de gerenciamento no Console ou no portal. Os dois aplicativos serão sincronizados durante o período de migração, então as tarefas realizadas em um local serão aplicadas em ambos.

A partir de 31 de março de 2021, os clientes não conseguirão mais fazer login no portal de suporte do Google Cloud e precisarão começar a usar o Console do Cloud para todas as tarefas antes realizadas no portal, incluindo gerenciar IDs do cliente e falar com o suporte.

Informações gerais

Perguntas de suporte

Perguntas sobre o ID do cliente

Outras perguntas

Informações gerais

Por que isso está acontecendo?

O portal de suporte do Google Cloud será substituído pela seção da Plataforma Google Maps no Console do Cloud, centralizando todas as suas tarefas em um só lugar e proporcionando uma experiência unificada e otimizada.

O Console do Cloud oferece um conjunto mais completo e abrangente de recursos para gerenciar a implantação da Plataforma Google Maps.

O que preciso fazer?

Assim que você receber os comunicados sobre a migração, faça login no Console do Cloud, familiarize-se com a ferramenta e comece a atribuir papéis aos seus usuários.

Papel:
Proprietário do projeto
Papel:
Editor do projeto
Papel:
Leitor do projeto
Papel:
Editor de suporte técnico
Papel:
Administrador da conta de faturamento
Papel:
Visualizador da conta de faturamento
Gerenciamento de ID do cliente
Suporte para problemas técnicos
Suporte para problemas de faturamento
Relatórios de uso do projeto
Relatórios de faturamento do projeto
Relatórios de faturamento da conta
  • As tarefas de gerenciamento de ID do cliente incluem autorização de domínios para uso com seu ID, adição e remoção de domínios autorizados, visualização da chave criptográfica do ID e muito mais.
  • O suporte para problemas técnicos inclui tarefas como implementação e solução de problemas em APIs, solicitação de aumentos de cota e encaminhamento de problemas com produtos para a engenharia.
  • O suporte para problemas de faturamento inclui configuração de contas de faturamento, explicação de cobranças, mudança da propriedade do projeto, registro de casos de suporte relacionados ao faturamento e outras tarefas de faturamento ou cobrança.

Observação: atualmente, os proprietários e editores de projetos podem registrar consultas ao suporte de faturamento. No entanto, até o fim de 2021, apenas os administradores de faturamento terão permissão para criar esses tipos de consulta.

Como posso acessar o Console do Cloud?

Para acessar o Console do Cloud, você precisa ter uma Conta do Google. O login e a senha que você usa no portal de suporte do Google Cloud deixarão de funcionar. Se você tem uma Conta do Google, mas não consegue fazer login, recupere seu nome de usuário ou senha. Se preferir, crie uma nova Conta do Google.

Como faço para ter acesso ao meu projeto?

Se a Conta do Google que você usava para fazer login no portal de suporte do Google Cloud não tiver acesso aos projetos associados ao seu ID do cliente, faça o seguinte:

  1. Verifique se existe uma outra Conta do Google associada ao projeto.
  2. Entre em contato com um proprietário do projeto e peça para ele conceder acesso.
  3. Se você não souber quem é o proprietário ou se ele estiver indisponível, fale com a equipe de suporte do Google Maps para ver outras opções de recuperação do projeto.

Perguntas de suporte

Como posso entrar em contato com o suporte?

Pela página de suporte da Plataforma Google Maps no Console do Cloud. Saiba como criar uma consulta na página de suporte e recursos da Plataforma Google Maps.

Está com problemas para acessar seu projeto do Console do Cloud?

Se você não conseguir acessar seu projeto no Console do Cloud, fale com o suporte usando este formulário (disponível temporariamente). Os tempos de resposta serão mais lentos do que no Console do Cloud.

As consultas criadas no portal de suporte do Google Cloud serão exibidas no Console do Cloud?

No momento, a página de suporte do Console do Cloud não exibe uma lista de consultas recentes.

Como adicionar outros usuários a uma consulta ao suporte?

Se você quiser que outros usuários vejam ou participem de um caso aberto, inclua-os na conversa usando o campo Outros destinatários no Console do Cloud, na página Criar um caso de suporte.

Você também pode responder ao e-mail de confirmação de criação da consulta (ou a qualquer e-mail seguinte) e adicionar outros usuários no campo "Cc". Em vez de adicionar todos os usuários individualmente, também é possível criar um Grupo do Google. Todos os membros do grupo poderão ler e responder no caso de suporte, e o grupo poderá funcionar como repositório de todos os casos.

Como faço para encaminhar um caso? O recurso de encaminhamento não está disponível para todos os usuários.

Para encaminhar um caso, é preciso esperar uma hora após a criação dele. Após esse período, use o botão Encaminhar, disponível no rodapé dos e-mails de suporte, no e-mail de confirmação de criação do caso ou em qualquer resposta ao caso.

Se você tentar encaminhar um caso antes de uma hora ter se passado, a ação não será concluída.

Posso alterar a gravidade de um caso?

Você pode responder à conversa do caso de suporte e pedir que o agente ajuste a gravidade para qualquer nível até S2.

Alerta: se a gravidade do caso precisar ser alterada para S1, registre um novo caso de suporte para garantir que a equipe seja informada rapidamente sobre esse alto nível de prioridade.

Posso adicionar anexos a um caso?

No momento, não é possível adicionar anexos ao criar um caso. Porém, é possível compartilhar anexos com o suporte. Para isso, responda ao e-mail de confirmação de criação ou qualquer mensagem na conversa sobre a consulta.

Perguntas sobre o ID do cliente

Onde posso gerenciar meu ID do cliente?

O gerenciamento de IDs do cliente será migrado para Plataforma Google Maps > Credenciais no Console do Cloud até fevereiro de 2021. Você poderá realizar as tarefas de gerenciamento no portal de suporte até a migração oficial em 31 de março de 2021. Os dois aplicativos serão sincronizados durante o período de migração, então as tarefas realizadas em um local serão aplicadas em ambos.

Quem poderá modificar a lista de URLs autorizados e pausar ou retomar IDs do cliente?

As tarefas de gerenciamento de IDs do cliente serão limitadas apenas aos proprietários e editores do projeto.

O que o botão de pausa faz?

Pausar um ID do cliente fará com que todas as chamadas de API da Plataforma Google Maps para esse ID sejam recusadas. Depois que um ID do cliente for pausado, você terá até 30 dias para retomá-lo. Se ele não for retomado após esse período, ele vai expirar e, depois de outros 30 dias (60 dias no total), não estará mais visível no Console do Cloud.

Como saber se estou usando o ID do cliente para fazer a autenticação com as APIs da Plataforma Google Maps?

Veja o uso associado ao seu ID do cliente em Plataforma Google Maps > Métricas no Console do Cloud. Em vários gráficos (Tráfego/Erro/Latência por credenciais), você encontrará gráficos que mostram o uso do ID do cliente sinalizado com project_number: 12345678, em que 12345678 é substituído pelo número do seu projeto.

Por que não consigo ver meu ID do cliente no Console do Cloud?

Somente os IDs do cliente ativos foram migrados. Se o ID não puder mais veicular tráfego, ele não estará disponível no Console do Cloud.

Os IDs do cliente que estão pausados no Console do Cloud expiram em 30 dias, a menos que sejam retomados. Um ID pausado ficará visível por outros 30 dias (60 dias no total). Depois desse período, não será mais possível acessá-lo pelo Console do Cloud.

Como posso ver, adicionar e remover todos os URLs autorizados associados ao meu ID do cliente?

Para gerenciar os URLs autorizados, acesse Plataforma Google Maps > Credenciais e selecione o ícone de lápis (edição) à direita.

Todos os URLs autorizados estarão disponíveis na tabela URLs autorizados para o ID do cliente. Para remover um URL, marque a caixa à direita dele e selecione Excluir no canto superior direito da tabela. Se quiser incluir novos URLs, escolha ADICIONAR URLS na parte inferior da tabela.

Onde fica minha chave criptográfica?

A chave criptográfica é necessária para autenticar a Plataforma Google Maps com assinaturas de URL. Para ver sua chave criptográfica, acesse Plataforma Google Maps > Credenciais e selecione o ícone de lápis à direita. A chave criptográfica estará à direita do ID do cliente.

Estou usando uma chave criptográfica, mas ela é diferente da que está no Console do Cloud. Minha chave é inválida?
O Console do Cloud mostra apenas uma das suas chaves criptográficas. Se você conseguir usá-la e receber respostas da API, a chave deve ser válida.

Outras perguntas

Onde posso gerenciar meu ID do cliente?

O gerenciamento de IDs do cliente será migrado para o Console do Cloud em fevereiro de 2021. Até lá, ele continuará disponível no portal de suporte do Google Cloud.

Onde posso ver os relatórios de uso do plano Premium?

Os relatórios do plano Premium não são mais relevantes porque eram necessários apenas para as licenças do plano Premium rastreadas com base no consumo.

Você pode usar um recurso semelhante para sua licença da Plataforma Google Maps (incluindo os relatórios por canal) nos relatórios de faturamento do Console do Cloud. Para mais informações, consulte a documentação do Google Maps.

Observação: os clientes do plano Premium que ainda têm uma licença ativa, mas não conseguem ver os relatórios de faturamento, precisarão entrar em contato com o suporte para receber os relatórios de uso quando o Google Cloud Support Portal for desativado.

Onde posso ver meus relatórios do Google Analytics na Plataforma Google Maps?

Esses relatórios mostram a interação dos seus usuários finais com os mapas baseados na API Google Maps JavaScript. Esses relatórios não estão nem ficarão disponíveis no Console do Cloud. Para receber esses insights no futuro, implemente relatórios de eventos personalizados em outra ferramenta, como o Google Analytics.