Introdução

Esta documentação abrange problemas técnicos que afetam suas páginas na Pesquisa Google. Por exemplo, como implementar dados estruturados que podem afetar a aparência da sua página na Pesquisa ou detalhes técnicos sobre como exibir suas páginas AMP na Pesquisa Google com recursos específicos.

Estes documentos se concentram no "modo" técnico. Para ver a documentação sobre "por que" você implementaria vários recursos ou para ter uma visão mais ampla de como funciona a Pesquisa Google, acesse a Central de Ajuda do Search Console, que fornece guias, visão geral e mais informações gerais para proprietários de sites, SEOs e provedores de conteúdo.

Esses guias abrangem os seguintes tópicos:

Dados estruturados Use dados estruturados para ajudar o Google a entender o conteúdo do seu site e ativar recursos especiais de resultados da pesquisa para suas páginas.
AMP Saiba como aproveitar ao máximo a AMP na Pesquisa Google. Implemente recursos de pesquisa específicos de AMP para ativar carrosséis, gerenciar suas páginas AMP no cache de AMP do Google e ativar o Google Analytics para suas páginas AMP.
Design otimizado para dispositivos móveis Saiba como melhorar sua experiência com a Pesquisa Google em dispositivos móveis.

Uma experiência de pesquisa organizada

À medida que os dispositivos e o contexto dos usuários evoluem para além dos computadores e alcançam o mundo dos dispositivos móveis e das tarefas cotidianas, a Pesquisa Google também evolui fornecendo resultados de pesquisa aprimorada que oferecem suporte aos usuários que vai além do computador: de fazer uma reserva, até ligar para o número de atendimento ao cliente da empresa ou escolher a receita de bolo de chocolate perfeita durante as compras no supermercado. Com o Google app, fornecemos informações aos usuários antes mesmo que eles façam uma consulta, ajudando-os a voltar a interagir com seu conteúdo nos momentos mais importantes.

A Pesquisa Google também oferece experiências de pesquisa estruturadas que respondem a diferentes intenções de pesquisa ou tipos de consultas do usuário. Essas respostas incluem consultas que procuram listas e até fatos agrupados para consultas de entidades específicas. Por exemplo, uma consulta de lista para "receitas de frango" fornece resultados que facilitam a verificação e o refinamento, enquanto uma consulta de entidade para um filme como "Interstelar" pode resultar em agrupamento de conteúdo em torno dessa entidade para incentivar uma exploração mais profunda, como exibir snippets de crítica de vários sites.

A interface visual mais recente para todas essas experiências é uma pesquisa aprimorada (anteriormente conhecida como rich card), que é um layout para um único item ou uma lista de itens que pode fornecer resultados da pesquisa aprimorados de uma maneira que seja bem renderizada em vários dispositivos e tamanhos de tela.

Como é apresentada a pesquisa aprimorada?

O processo de pesquisa começa quando os sistemas do Google rastreiam a Web de um link para outro. Os proprietários de sites controlam o acesso ao seu conteúdo, o que inclui texto e imagens, e o Google classifica todas as informações no índice e as veicula aos usuários, usando algoritmos para melhorar a experiência com os recursos, como preenchimento automático e sinais baseados em contexto.

Para otimizar a aparência do seu conteúdo nas experiências em desenvolvimento da Pesquisa, é importante entender seu relacionamento com três pontos de contato principais no fluxo de pesquisa.

1. Seus metadados

Metadados são dados que descrevem outros dados. Isso significa detalhes sobre os serviços e tipos de conteúdo que você oferece aos usuários da Pesquisa Google. O Google recebe seus metadados de uma ou ambas das seguintes formas: diretamente da marcação que você fornece no seu conteúdo ou estabelecendo você como uma autoridade da entidade. O Google usa metadados de conteúdo e dados de autoridade relevantes para fornecer recursos em pesquisas aprimoradas e em cards do Mapa de informações.

  • Marcação de conteúdo: como provedor de conteúdo, você gerencia ou possui um conteúdo on-line que quer que a Pesquisa Google exiba em um dos seus formatos aprimorados, como receitas, artigos ou vídeos. Para isso, você precisa fornecer uma marcação de dados estruturados para esse conteúdo com base em aspectos específicos, como classificações, imagens e ações de reprodução.
  • Dados da autoridade da entidade: uma autoridade da entidade é uma autoridade verificada para algo específico, como o site oficial de um artista, uma empresa física, como um restaurante ou uma organização. Você ajuda o Google a ver sua empresa ou site como oficial por meio das informações que fornece no Google Meu Negócio, no Posts no Google e ao registrar e verificar seu site usando o Search Console.

2. Como entrar no índice

A entrada no índice da Pesquisa começa quando nossos sistemas encontram e acessam seu conteúdo. Isso pode ocorrer sem qualquer esforço extra da sua parte. Nossos rastreadores seguem links naturais para seu conteúdo e descobrem suas páginas, inserindo seus metadados e, posteriormente, correlacionando informações de outras fontes, como detalhes de autoridade.

Esse processo de rastreamento ocorre de acordo com os planejamentos controlados por algoritmos que determinam a demanda de conteúdo com base em vários fatores.

Você pode ajudar nosso rastreador a descobrir suas páginas fornecendo um sitemap, que é basicamente uma lista de URLs para seu conteúdo. Você pode priorizar a descoberta fornecendo URLs importantes para descobrirmos, como páginas em que você adicionou marcação para recursos específicos.

3. A intenção de pesquisa do seu usuário direciona a apresentação

Quando você prepara seu conteúdo para inclusão na Pesquisa, ele pode aparecer em uma variedade de formas visuais, porque é a intenção de pesquisa do usuário que determina como a Pesquisa Google exibe informações. A intenção da pesquisa de um usuário é um conceito que descreve como nossos algoritmos entendem o que o usuário realmente quer com uma consulta específica dentro de um contexto específico.

Por exemplo, se um usuário consultar "peru", a intenção da pesquisa é ambígua, então nossos resultados exibirão uma mescla de itens, incluindo um card do Mapa de informações sobre o país Peru, notícias sobre o Peru e peru como uma ave.

No entanto, se a consulta mudar para "receitas de peru", a intenção de pesquisa será reduzida a uma lista, para que um carrossel ajude a agrupar receitas relacionadas, incluindo um carrossel de vários provedores e um carrossel de receitas de um host específico.

Como provedor de conteúdo de receitas, você pode marcar seu conteúdo para torná-lo qualificado para pesquisa aprimorada (anteriormente conhecida como rich cards) de um ou vários itens um ou vários itens para esses tipos de intenção de pesquisa.

Próximas etapas

Para tornar seu conteúdo qualificado para inclusão em resultados de pesquisa aprimorada, siga estas etapas:

  1. Registro

    Registre seu site no Search Console para ajudar a otimizar o desempenho dele na Pesquisa e entender melhor como nossos sistemas rastreiam, indexam e veiculam seu conteúdo. Além disso, você terá acesso a ferramentas de relatórios aprimoradas para garantir que seu conteúdo atenda às nossas diretrizes e que sua marcação não apresente nenhum erro.

    Os proprietários de empresas físicas podem registrar os próprios negócios no Google por meio do Google Meu Negócio. Isso pode ajudar você a colocar o local da sua empresa, as informações de conteúdo e as horas de funcionamento no Maps e na Pesquisa.

    Representantes oficiais de um Painel de informações podem reivindicar sua presença. Isso permite que você Atualize as estatísticas no Painel de informações.

  2. Prepare seus recursos Se você tem um site ou um app, primeiro prepare seu conteúdo e os recursos que o hospedam antes de enviar seus dados. Isso significa usar a Indexação de apps para seus apps para dispositivos móveis, criar conteúdo otimizado para dispositivos móveis ou usar páginas AMP e conhecer e escolher a marcação de dados estruturados que funciona melhor para seu conteúdo ou seus serviços.
  3. Entre no índice

    Os sistemas do Google dependem do acesso a seus recursos on-line para ajudar os usuários a chegarem ao seu conteúdo no Google app ou quando pesquisam. Leia mais na Introdução à indexação.

Enviar comentários sobre…